Parnaíba e região: uma terra cheia de oportunidades

A ZPE Parnaíba apresenta diversas características interessantes aos investidores. Além do determinante incentivo fiscal do Governo Federal, do apoio logístico, fiscal e estrutural do Governo do Estado, do suporte institucional da Prefeitura de Parnaíba e de uma excelente localização geográfica no contexto do comércio internacional, as empresas que atuarão dentro da ZPE poderão contar ainda com uma série de vantagens competitivas inerentes ao perfil desta importante área de livre comércio.

Parnaíba, seu município-sede, tem uma população 149.348 habitantes (IBGE – 2014) e está localizada no extremo Norte do Estado. Destaca-se por apresentar boa qualidade de vida, atestada por um gráfico evolutivo no Índice de Desenvolvimento Humano (IDH-M). Informações extraídas do Atlas do Desenvolvimento Humano - ADHM 2013, PNUD e IPEA revelam que Parnaíba teve um incremento no seu IDH-M de 65,94%, portanto acima do percentual de crescimento nacional, que foi de 47,46%. Esses números positivos sobre Parnaíba são alavancados principalmente pela dimensão Educação, que tem destaque no levantamento.

Outro fator importante, com relevância no quesito Qualidade de Vida, refere-se ao setor de saneamento básico. Parnaíba possui atualmente uma rede de esgotamento sanitário que cobre cerca de 80% da área urbana, sendo a cidade piauiense com a maior cobertura sanitária.

A população de Parnaíba tem uma participação significativa de estudantes universitários chegando a quase 11 mil distribuídos em seis campi, professores e outros profissionais oriundos de todas as regiões do país que integram a força de trabalho da região.

Logística de Distribuição

As grandes oportunidade de produzir dentro da ZPE Parnaíba combinam com fatores logísticos de naturezas geográfica e de infraestrutura já existentes, favoráveis à distribuição da produção, seja na exportação ou absorção pelo mercado interno.

Aeroporto Internacional - Muitos dos produtos oriundos das matérias primas do Piauí e adjacências têm como principais características o pouco volume, mas com alto valor agregado. Para estes produtos, o principal portal para o mundo é Aeroporto Internacional de Parnaíba, que tem uma das melhores estruturas aeroviárias do Nordeste.

Portos do Pecém e de Itaqui – Os produtos que apresentam volume incompatível com o transporte aéreo poderão ser exportados pelos portos do Pecém, localizado no Município de São Gonçalo (CE), próximo a Fortaleza, ou pelo porto de Itaqui, localizado em São Luis (MA). As distâncias são compensadoras para a exportação de produtos que compõem o perfil industrial da ZPE Parnaíba, especialmente pela existência de um sistema viário que oferece boas condições de trafegabilidade.

Perfil industrial da ZPE Parnaíba

O perfil dos investimentos privados esperados na ZPE Parnaíba contempla a industrialização nos ramos de fármaco químicos, cera de carnaúba, babaçu, couros e peles, alimentos, pedras preciosas e minérios, biocombustíveis e empresas na área de biotecnologia e nanotecnologia, além da perspectiva de abertura para o segmento de serviços na área de tecnologia da informação, estando este último item em fase de debates no Congresso Nacional.

Uma característica da maioria dos segmentos contemplados no perfil industrial da ZPE Parnaíba é a valorização dos produtos finais que, mesmo em pequenos volumes, podem representar elevado valor econômico e financeiro, a exemplo dos fármaco químicos, pedras preciosas e outros nos quais seus processos de produção se utilizam da biotecnologia e da nanotecnologia, sendo esta última a criação, manipulação e exploração de materiais em tamanhos muito reduzidos.

Parnaíba é polo de desenvolvimento

Delta do Parnaíba.

Delta do Parnaíba.

Avenida São Sebastião. Foto: Ascom/ZPE

Avenida São Sebastião. Foto: Ascom/ZPE

Delta do Parnaiba. Foto: H. Fontenele.

Delta do Parnaiba. Foto: H. Fontenele.

Praia da Pedra do Sal. Foto: M. Monteiro

Praia da Pedra do Sal. Foto: M. Monteiro

Antes mesmo de ser referência como cidade universitária; de aparecer na Revista Veja como destaque no segmento do consumo no ranking das cidades médias brasileiras e de ser destacada pela Revista Exame entre os municípios de economia mais dinâmica do Nordeste, a cidade de Parnaíba já era considerada uma das grandes referência brasileiras do turismo ecológico. Além de ter boa parte do litoral piauiense em seu território, Parnaíba é a porta de entrada do Delta do Parnaíba, único em mar aberto das Américas e um dos três únicos do mundo, colocando o Piauí em situação privilegiada.

O setor turístico e demais cidades turísticas do litoral piauiense já dispõe de considerável estrutura de receptivo e atendimento como aeroporto com padrão internacional; hotéis, pousadas, balneários, praias, centros históricos, entre outros atrativos. O Delta do Parnaíba, acessível aos turistas com suas dezenas de ilhas paradisíacas, é a principal joia da natureza encrostada nesta região.

O início do primeiro curso de Medicina (UFPI) e o anúncio de um segundo curso, desta vez de iniciativa privada, consolida o protagonismo que já vem sendo desempenhado por Parnaíba com sua rede de estabelecimentos públicos e privados como o Samu, clínicas, hospitais, laboratórios e várias Unidades de Pronto Atendimento em construção. Como resultado de parcerias do poder público com a iniciativa privada, o sistema de saúde do município já dá os seus primeiros passos no tratamento do câncer.

Equipamento do laboratório da Embrapa

Equipamento do laboratório da Embrapa

Instrumento de pesquisa solo da Embrapa

Instrumento de pesquisa solo da Embrapa

Instrumento para pesquisa meteorológicas

Instrumento para pesquisa meteorológicas

Laboratório de solo - Embrapa Meio Norte

Laboratório de solo - Embrapa Meio Norte

As empresas do agronegócio que se instalarem na ZPE Parnaíba estarão a cerca de 15 quilômetros de uma unidade do principal laboratório de tecnologias neste setor. Trata-se da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), órgão do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. A Embrapa Meio-Norte, como é denominada a unidade, trabalha no desenvolvimento de um modelo de agricultura e pecuária tropical genuinamente brasileiro, superando as barreiras que limitavam a produção de alimentos, fibras e energia no nosso País.

Será de grande importância a proximidade da ZPE Parnaíba com o nascedouro das tecnologias que transformaram a agropecuária brasileira.

Caju orgânico produzido próximo à ZPE

Caju orgânico produzido próximo à ZPE

Acerola orgânica produzida próximo à ZPE

Acerola orgânica produzida próximo à ZPE

Tabuleiros Litorâneos do Piauí

Tabuleiros Litorâneos do Piauí

Tabuleiros Litorâneos do Piauí

Tabuleiros Litorâneos do Piauí

Acerola orgânica produzida próximo à ZPE

Acerola orgânica produzida próximo à ZPE

Coco é produzido em larga escala

Coco é produzido em larga escala

Canais irrigados garante produção

Canais irrigados garante produção

A nove quilômetros da ZPE Parnaíba encontra-se, às margens do Rio Parnaíba, o maior projeto de agricultura irrigada do Meio Norte do Brasil. O Distrito de Irrigação Tabuleiro Litorâneos (Ditalpi) é um projeto do Governo Federal que já implantou 2.443 hectares perímetro irrigado, de um total de 8.428 hectares dedicados à produção de frutos orgânicos, com a devida certificação.

A segunda etapa de lotes empresariais com 5.985 hectares está sendo construída. Depois de prontos, os lotes são licitados entre produtores interessados em desenvolver a fruticultura irrigada.

A etapa de lotes já concluída tem apresentado resultados positivos na produção orgânica de acerola, caju, goiaba, melancia, laranja e legumes. A parte de fruticultura tem grande aproveitamento na produção de concentrados de frutas, frutas desidratadas, entre outras aplicações industriais.

A produção de frutos orgânicos certificados, já em franca atividade no entorno da ZPE, se apresenta, assim, como uma das grandes oportunidades para as empresas que se instalarem no seu perímetro.

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Piauí em Parnaíba.

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Piauí em Parnaíba.

Faculdade Mauricio de Nassau em Parnaíba

Faculdade Mauricio de Nassau em Parnaíba

Campus da Uespi em Parnaíba

Campus da Uespi em Parnaíba

Campus da UFPI em Parnaíba

Campus da UFPI em Parnaíba

Curso de Medicina da UFPI em Parnaíba

Curso de Medicina da UFPI em Parnaíba

Curso de Odontologia da Uespi em Parnaíba.

Curso de Odontologia da Uespi em Parnaíba.

O status de Cidade Universitária, com a grande oferta de vagas no ensino técnico e superior, é um indicativo forte da capacidade que tem Parnaíba de gerar a mão de obra qualificada, necessária ao seu desenvolvimento em todas as áreas, incluindo a indústria e os serviços.

A guinada econômica de Parnaíba começou com os fortes investimentos no campus da Universidade Federal do Piauí (UFPI) que saltou de quatro para 12 cursos superiores, incluindo o de Medicina. Estes cursos empregam hoje um número grande de professores com qualificações de mestres e doutores.

A expansão da UFPI, que também ganhou mais estrutura física, abriu caminho para outros empreendimentos educacionais de nível técnico e superior com destaque para o campus do IFPI (Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia) e de mais um curso de Medicina, desta vez da iniciativa privada, e mais quatro faculdades particulares.

O potencial da força de trabalho jovem em Parnaíba apresenta números animadores:

  • Campi universitários: 6
  • Cursos universitários: 39
  • Estudantes universitários: 10.178
  • Professores Universitários: 446
    • 159 doutores
    • 148 mestres
    • 159 especialistas
    • Cursos médio-profissionalizantes: 07

A cidade de Parnaíba também é sede de duas importantes entidades representativas de classe: a Federação das Indústrias do Estado do Piauí (Fiepi) e da Federação do Comércio do Estado do Piauí (Fecomercio), ambas com suas escolas de formação de mão de obra.